Crónicas do Fidalgo

Pessoas

“Uma Imagem Solidária” por Ana Albuquerque Nogueira

Constituída formalmente a 27/12/2016, a Inovar Autismo – Associação de Cidadania e Inclusão, assume como principal missão promover a inclusão das crianças, jovens e adultos com autismo nas suas comunidades de pertença, constituindo-se igualmente como um apoio no âmbito da habilitação e capacitação destas pessoas, ao longo do seu ciclo vida, de acordo com as suas necessidades e com as necessidades das suas famílias.

A Associação detém o estatuto jurídico de IPSS e ONGPD, sendo por isso reconhecida como de utilidade pública.

A Inovar Autismo tem como visão o conceito de “sociedade para todos”, na qual todas as pessoas ocupam por direito o seu lugar, independentemente das suas incapacidades ou funcionalidades.

Embora a associação contemple um conjunto de colaboradores remunerados, a sua direção é exclusivamente composta por membros voluntários, nomeadamente pais, familiares e inclusive um jovem com autismo. Neste sentido - e em coerência com o exposto - a autorrepresentação e a autodeterminação das pessoas com autismo encontra também espaço no âmbito da direção. A Inovar Autismo é atualmente a primeira associação em Portugal a incluir um jovem com autismo na direção.

Ancorados nestes princípios, todos os projetos desenvolvidos pela Inovar Autismo assumem um caráter inovador, quer a nível nacional, quer internacional, nas áreas do autismo, cidadania e direitos humanos. A Associação assume-se, assim, como uma incubadora de novas respostas sociais, uma start-up da inovação social que procura “responder no terreno”, com projetos concretos e arrojados aos desafios dos paradigmas da inclusão e do modelo social da deficiência, desconstruindo mitos, estereótipos e preconceitos, em estreita ligação como as estruturas e contextos regulares da comunidade.

Ao eleger como foco da intervenção a comunidade - e não apenas a pessoa com autismo - a nossa associação, através dos projetos que concebe e implementa, procura capacitar, mediar e apoiar, quer as pessoas com autismo, quer os contextos sociais em que se inserem, para que a verdadeira inclusão na sociedade se efetive.

Na linha da promoção dos direitos humanos e da participação plena das pessoas com autismo na sociedade, a associação recusa a implementação de respostas apenas dirigidas às pessoas com deficiência, privilegiando a preparação dos contextos para a integração de Tod@as as pessoas. Ao longo dos anos a opção, não só em Portugal como na Europa, pela implementação de respostas segmentadas e específicas para apoiar um determinado grupo alvo sem a devida preocupação com a inclusão e participação plenas destas pessoas, originou - e, infelizmente, ainda continua a originar - na maioria dos casos, trajetos de vida paralelos e segregados, nomeadamente em centros de atividades ocupacionais e futuramente em lares, onde permanecem institucionalizados/as.

Embora de constituição recente, a Inovar Autismo já viu premiados alguns dos seus projetos, nomeadamente pela Fundação Montepio, a nível nacional, e muito recentemente, a nível internacional, pela Associação “Femmes d’ Europe”, sedeada junto da Comissão Europeia, em Bruxelas, onde em janeiro do presente ano tivemos o privilégio de apresentar o nosso projeto “Jazz Com Tod@s” (projeto com uma metodologia inovadora de aprendizagem e inclusão pela música, através do jazz, para crianças e jovens com e sem autismo).
Também muito recentemente, a Inovar Autismo foi uma das associações selecionadas através de concurso público, para a implementação de um Centro de Apoio à Vida Independente (projeto piloto a 3 anos).

Todos as nossas respostas sociais e projetos são desenhados de raíz, sendo por isso inovadores, mesmo a nível internacional, podendo ser consultados através do site e da página de Facebook .

Alguns destes projetos, submetidos através de abstract científico, foram já apresentados como boas práticas de inclusão em conferências internacionais.
Tradicionalmente, Abril consubstancia-se num mês em que a sociedade fica mais atenta à afirmação dos direitos humanos e inclusão das pessoas com autismo. Este trajecto iniciou-se em 2007, no âmbito da ONU, apadrinhado pelo Secretário-Geral Ban Ki-Moon, tendo sido consagrado o dia 02 de Abril como o "Dia Mundial do Autismo".
Neste sentido, a Inovar Autismo preparou um vasto programa de atividades e eventos para o mês de Abril, que se iniciou no dia 02 com um "Open Day" no Agrupamento de Escolas Sebastião da Gama, em Setúbal, e encerrará, no dia 26 de Abril, no mesmo Agrupamento, com a presença de dois membros do Governo e outros distintos convidados.

Ao longo deste mês, em sintonia e articulação direta com a "Autism Europe" e a Federação Portuguesa de Autismo, implementaremos a campanha europeia "Uma Nova Dinâmica para o Autismo" #AutismDay2019 .

Entre os múltiplos eventos que iremos dinamizar e participar, ao longo deste mês de Abril de 2019, agradecemos, desde já, a escolha da nossa associação para apoio no âmbito da iniciativa nacional "Uma Imagem Solidária", promovida por um destacado grupo de fotojornalistas portugueses.

Bem hajam por apoiar a inovação, a inclusão e os direitos humanos!

Neste Abril de 2019 junte-se a nós, contribua para #UmaSociedadeParaTodos, participe nas nossas iniciativas e ajude-nos a #PassardasPalavrasaosAtos.

Neste Abril de 2019, envolva-se na causa pelos direitos humanos das pessoas com autismo, apoie a #INOVARAUTISMO!!!

Por Ana Albuquerque Nogueira